Gemidos e delírios na sacada

“Não sei como não despencamos da sacada, fiquei por um triz de cair do sétimo andar.  Algumas fantasias são bem perigosas e eu deveria ter parado ali, mas foi impossível antes de chegar naquele ponto. Você me entende, não é mesmo? Imagina, Hay, dois corpos suados, espatifados lá embaixo. Mas graças a Deus isso não aconteceu, e o que me preocupa agora, de verdade, é esse sussurro esquisito que vem lá do quarto, a gente nunca sabe o que esperar de um gemido.”

Ilustração Ivan Sitta


Um comentário sobre “Gemidos e delírios na sacada

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s